Quais os benefícios das aulas de teatro na escola?

Está enganado quem ainda pensa que o desenvolvimento completo do aluno está restrito ao ensino de disciplinas como Português e Matemática. Formar um cidadão requer o estímulo dos diversos aprendizados dentro e fora da sala de aula. Aulas de teatro na escola são benéficas pois desenvolvem o aluno de diversas formas.

Confira os benefícios das aulas de teatro na escola e saiba porque o Elite investe na arte por meio do projeto Palco de Elite:

– Xô, timidez!

As aulas de teatro na escola auxiliam os estudantes mais tímidos a interagirem com outros colegas de turma. A socialização é extremamente importante para a formação de novos laços ou mesmo para evitar o bullying.

– Experimentação e criatividade

As artes cênicas proporcionam experimentar novas realidades e histórias a partir da interpretação de determinado personagem. É um momento mágico em que os alunos soltam a criatividade durante a atuação, o que os leva a serem inventivos e desenvolverem o pensamento.

– Emocional e sentimentos

Conhecer outras histórias (e também estar em contato com outras pessoas) faz com que o emocional e os sentimentos sejam trabalhados durante as aulas de teatro na escola. Por meio da atuação, os estudantes percebem a importância de entender o que se está sentindo.

 

Conheça o Palco de Elite:

No Elite Rede de Ensino, os alunos têm aulas semanais de teatro que culminam no projeto Palco de Elite.  No Palco, os alunos são divididos em grupos a afim de montar suas próprias peças teatrais. Dentro dos grupos, há departamentos – e cada setor tem suas determinadas funções (cenário, figurino, elenco, sonoplastia, making off, roteiro, financeiro e marketing).

Segundo Carlos Morais, professor de teatro do Elite Rede de Ensino, a arte é uma ferramenta, um catalisador eficiente e de profundo efeito na construção de um melhor indivíduo. “Além disso, tem em sua abordagem capilaridades que permeiam a mais absoluta forma de apoio ao indivíduo. Abordamos em nossa proposta meios de eficiência cognitiva e postura perante o mercado, seja como empreendedor, seja como contratado, englobando: empreendedorismo, comportamento corporativo, liderança, comunicação interpessoal e artes cênicas e produção de arte”, destaca Morais.

Escrito por:
Maria Clara Cabreira


Posts relacionados: